Líderes russos reagem com alarme à explicação sobre o aumento do orçamento de defesa planetária dos EUA – Algo grande pode estar a caminho

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Se o artigo abaixo estiver correto, o mês de dezembro deste ano pode trazer consigo eventos muito impactantes para o nosso planeta e, consequentemente, para a raça humana:

Líderes russos reagem com alarme

Grande cometa de 1811 pode ter causado inúmeros terremotos.

Um novo relatório do Conselho de Segurança circulando (24/10) no Kremlin mostra líderes russos reagindo alarmados depois que o assessor de segurança nacional dos EUA, John Bolton, enviou uma mensagem gravada em vídeo ao presidente Putin, explicando porque ele repentinamente mais do que dobrou o orçamento de seu governo. O Escritório de Coordenação de Defesa Planetária (de sigla em inglês, PDCO) da nação – sendo explicado por Trump que esse aumento maciço do orçamento foi em resposta à aparição histórica em nosso sistema solar do Cometa 46P / Wirtanen, cujos efeitos os americanos atribuem a uma série de terremotos poderosos que ocorreram na costa oeste do Canadá há poucos dias – fazendo com que Putin concordasse em se reunir com Trump em 11 de novembro, junto com especialistas científicos, preparando-se para visitar Washington DC para se encontrar com seus pares da NASA.

[Nota: Algumas palavras e/ou frases que aparecem entre aspas neste relatório são aproximações de palavras/frases em russo que não possuem uma tradução correspondente exata.]

O cometa 46P / Wirtanen é o décimo cometa mais próximo dos tempos modernos, visível na maior parte da noite (ambos os hemisférios norte e sul tornando-se um evento global) e permanecerá visível por muitas horas durante meses antes e depois de sua aproximação à Terra.

De acordo com este relatório, a aparição de cometas dentro do nosso sistema solar sempre foi vista com pavor pela humanidade – melhor examinada e documentada pela acadêmica americana Jacqueline Brook em seu tratado científico de 1999 intitulado Our Rock Who Art In Heaven, Hallowed Be Thy Name (Rocha Nossa Que Estás no Céu, Santificado Seja Vosso Nome), que detalha uma comparação abrangente de textos bíblicos entre si e os chamados mitos pagãos que descobriram um eco contínuo, um tema comum, sobre os cometas sendo responsáveis ​​pela criação de nosso planeta e sociedades – o mais importante dos quais foi o de dez caudas – “Cometa que Mudou a Civilização” que apareceu em 1486 a.C., e refez todas as nações da Terra naquela época.

O Cometa que Mudou a Civilização, de dez caudas, apareceu nos céus da Terra em 1486 a.C. mudando cada nação do mundo …

 

… Da China (símbolo do Século XV a.C. para o deus chinês Lao-Tien-Yeh)…

 

…até o Egito (símbolo de Aton egípcio do Século XV a.C. acima).

No início do século XIX, quando a pesquisa científica começou a suplantar os mitos históricos, este relatório continua, o ano de 1811 forneceu uma pista de porque os povos antigos temiam os cometas que apareciam em nosso sistema solar e os viam como prenúncios da desgraça. E foi devido à aparição nos céus noturnos da nossa Terra do que hoje é chamado de “O Grande Cometa de 1811”, que muitos povos ainda afirmam ser o culpado pela série mais catastrófica de terremotos na história americana ao longo da Linha de Falha New Madrid, em 1811-12. Se isso acontecesse hoje, destruiria a vasta maioria daquele país.

Terremotos na falha de New Madrid, entre 1811 e 1812.

Ao longo do século XX, este relatório observa, cientistas de todo o mundo continuaram a coletar informações sobre a possível ligação entre terremotos e cometas – mas esses esforços foram divididos, depois que cientistas orientais plantaram seus esforços científicos na chamada teoria elétrica de cometas. Os cientistas ocidentais continuaram a alegar que os cometas eram ‘bolas de gelo sujas’.

Em 2003, entretanto, este relatório explica, nossa Terra começou a receber misteriosos sinais de rádio do espaço exterior – que cientistas ocidentais alegavam estar vindo de anos-luz de distância, mas cientistas ocidentais acreditavam que eram variações de frequência sendo criadas por um objeto ainda desconhecido, perturbando os campos elétricos dos planetas externos do nosso sistema solar – com os cientistas orientais provados corretos, em 27 de agosto de 2004, quando o Cometa Machholz foi descoberto vindo em direção à Terra, podendo ser visto a olho nu em janeiro-2005, o que foi muito incomum, pois seu periélio estava mais distante do Sol do que a órbita da Terra.

Estando preparado, caso o cometa Machholz cause terremotos, este relatório observa que os cientistas do oriente ficaram alarmados em 24 de dezembro de 2004, quando o maior terremoto do mundo em quase quatro anos atingiu 800 quilômetros da costa da Tasmânia, cuja potência de 8,1 abalou a Terra entre a Austrália e a Antártica, e era poderoso o suficiente para destruir uma cidade inteira – e este foi seguido dois dias depois, em 26 de dezembro de 2004, quando um terremoto catastrófico de magnitude 9,3 atingiu o Oceano Índico desencadeando um tsunami que matou mais de 227.000.

Exatamente como foi em 2004, quando misteriosos sinais de rádio cósmicos pressagiaram o Cometa Machholz aparecendo nos céus, e terremotos catastróficos devastando nossa Terra matando mais de um quarto de milhão de seres humanos, este relatório continua, também hoje há outra série de misteriosos sinais de rádio sendo detectados do espaço exterior – e que estão sendo acompanhados por dois cometas conhecidos como 21P / Giacobini-Zinner e 46P / Wirtanen – com o Cometa Giacobini-Zinner tendo feito sua maior aproximação da Terra em 10 de setembro, não visível a olho nu – mas o mais poderoso Cometa Wirtanen se torna verdadeiramente histórico, pois será o décimo cometa mais próximo nos tempos modernos, e será visível para todo o mundo por semanas, se não meses, começando no dia de Natal.

O mais temido sobre o Cometa Wirtanen, porém, conclui este relatório, é que, exatamente como o fez o “Grande Cometa de 1811” para a Zona de Falha de New Madrid na América, e o Cometa Machholz fez no Oceano Índico em 2004, causará terremotos catastróficos em nosso planeta, conforme predisseram os povos antigos – e cujos sinais começam a acontecer exatamente há três (5) dias, quando o Canadá foi atingido por três fortes terremotos em menos de uma hora no domingo à noite, com temores de que uma mudança ainda maior de placas tectônicas ao longo de toda a costa oeste dos EUA e do Canadá esteja ocorrendo agora. E caso tal catástrofe ocorra – como o Presidente Trump acabou de alertar o Presidente Putin – veria o muito temido plano militar da Operação Panorama sendo colocado em efeito imediato, que veria as forças militares inteiras dos Estados Unidos e Canadá correndo para esta região para salvar aqueles que puderem, e rapidamente enterrar sem cerimonia as dezenas de milhares de mortos antes que os surtos de doenças ocorram.

(Fonte)

Colaboração: Jacqueline C.G.D.


Embora não haja comprovação de que o relatório acima seja fidedigno, não custa ficarmos em alerta, pois, como noticiado ontem aqui no OH, até mesmo a cidade de Londrina, no Brasil, sentiu recentemente um pequeno abalo sísmico.

Também vale lembrar que “mega-terremotos” foram previstos por um pesquisador para o mês de dezembro.

Coincidência?

Mega terremotos irão ocorrer em dezembro de 2018, diz pesquisador

n3m3

Extraído de OvniHoje

O que voce acha disso?
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.